Opinião
30 maio 2024

Eucaristizar a esperança

Tempo de leitura: 4 min
Só à luz da Páscoa podemos celebrar e viver a Eucaristia. A partir da Eucaristia a Igreja faz-se sinodal, samaritana e missionária.
D. José Manuel Cordeiro
Arcebispo de Braga
---
(©123RF)

 

O 5.º Congresso Eucarístico Nacional (CEN) vai realizar-se em Braga, de 31 de Maio a 2 de Junho de 2024, no centenário do primeiro CEN, sob o tema: Partilhar o Pão, alimentar a Esperança. «Reconheceram-n’O ao partir o Pão» (Lc 24,35).

Este grande acontecimento da Igreja que peregrina em Portugal intenta sublinhar a centralidade da Eucaristia e do Domingo, o coração do coração da Igreja em oração, para “eucaristizar” a esperança.

Na verdade, a Eucaristia é o Santíssimo Sacramento, ou seja, o sacramento da Páscoa. A fé que nasce e renasce da Páscoa faz todo o sentido quando nos torna mais irmãos e cidadãos mais activos, para se realizar a justiça e a paz, o perdão e o amor.

Até agora, celebraram-se quatro congressos eucarísticos nacionais: três em Braga (2 a 6 de Julho de 1924 – A paz de Cristo em Portugal pelo reinado do Coração Eucarístico de Jesus; 7 a 13 de Junho de 1974 – 50 anos: a Eucaristia fonte de vida; 3 a 6 de Junho de 1999 – 75 anos: Jesus Cristo, único Salvador do mundo, Pão para a vida nova) e um em Fátima (10 a 12 de Junho de 2016 – Viver a Eucaristia, fonte de misericórdia).

Em Braga, no primeiro Congresso Eucarístico Nacional cruzaram-se muitas vidas de santidade, cujos processos de canonização estão em curso: Beata Alexandrina Costa; Frei Bernardo de Vasconcelos, OSB; Padre Abílio Correia; Alzira Sobrinho (Irmã São João, Serva Franciscana Reparadora de Jesus Sacramentado); D. Manuel Mendes da Conceição Santos (arcebispo de Évora) e D. João de Oliveira Matos (bispo da Guarda).

As dioceses em Portugal mobilizam-se para o 5.º CEN e o 53.º Congresso Eucarístico Internacional a realizar de 8 a 15 de Setembro de 2024 em Quito, Equador, à luz do tema: Fraternidade para curar o mundo «todos vós sois irmãos» (Mt 23,8).

Todas as comunidades são convidadas à oração, formação e celebração: cada cristão e cada comunidade são convocados a rezar pelo bom êxito dos Congressos Eucarísticos, seja através da oração pela preparação do Congresso, seja na oração universal dominical com a introdução das preces publicadas na página de internet do Congresso (www.congressoeucaristico.pt).

De facto, «apenas na adoração, só diante do Senhor, é que recuperamos o gosto e a paixão pela evangelização. E, curiosamente, perdemos a oração de adoração; e todos, sacerdotes, bispos, consagradas, consagrados, têm de a recuperar: recuperar aquele permanecer em silêncio diante do Senhor» (Papa Francisco, Lisboa, 2 de Agosto de 2023). 

Em Emaús, no dia de Páscoa, os discípulos reconheceram Jesus ressuscitado, ao partir do pão. Só à luz da Páscoa podemos celebrar e viver a Eucaristia. A partir da Eucaristia a Igreja faz-se sinodal, samaritana e missionária.

O partir do pão é o próprio Cristo que é partido no pão da Eucaristia, da caridade, no encontro com os pobres, os mais vulneráveis, mais frágeis, com todas as necessidades do mundo em que vivemos para que tenhamos este sentido de plenitude e sejamos capazes, à luz das Escrituras, de reconhecê-los em todas as pessoas e situações da comunidade neste tempo tão delicado.  

QUERO APOIAR

 

alem-mar_apoio

Partilhar
---
EDIÇÃO
Junho 2024 - nº 747
Faça a assinatura da Além-Mar. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.