A Abrir
01 fevereiro 2022

Aprender com os heróis

Tempo de leitura: 1 min
Se estivermos atentos, encontramos muitos heróis na nossa vida quotidiana.
Bernardino Frutuoso
---

Na capa deste mês, encontras a nossa nova heroína: Muana Makasi. Ela é a protagonista da banda desenhada que começamos a publicar este mês na revista Audácia. Muitos já perceberam que se trata de Elonga, a filha de Muasi Makasi, que lhe passa o testemunho na luta contra o mal e a injustiça.

Os heróis, na sua maioria, são pessoas comuns que se tornaram extraordinários com muito esforço e perseverança. Eles ajudam os mais necessitados, protegem as cidades dos vilões, lutam pela justiça e contra os malvados e vencem. Eles também têm as suas limitações, fraquezas e medos, mas, apesar disso, ensinam-nos a nunca desistir nas dificuldades, a ser humildes, a ser bondosos e generosos, a pensar sempre antes de agir, a trabalhar em equipa para enfrentar os desafios, a preocupar-nos com o bem comum e a preservação da Natureza.

Se estivermos atentos, encontramos muitos heróis na nossa vida quotidiana (pais, professores, etc.). Neste tempo de pandemia, por exemplo, os profissionais de saúde são os heróis que, cada dia, se doam incansavelmente e trabalham com dedicação para cuidar dos que mais precisam.

Nós não temos superpoderes, mas também podemos ser heróis. Temos de acreditar nas nossas capacidades e procurar ser pessoas honestas, acolhedoras, capazes de ajudar e servir com alegria os que mais necessitam, cuidando da Natureza. Somos heróis quando sonhamos e colaboramos para ter um mundo melhor, mais justo e fraterno, para todos.

Partilhar
Tags
A Abrir
---
EDIÇÃO
Julho 2022 - nº 609
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.