Aventura da Fé
27 abril 2023

Ver e rever

Tempo de leitura: 2 min
A visão é dos cinco sentidos aquele cuja privação mais afeta o quotidiano. Sobretudo numa era em que a existência vai ficando cada vez mais tecnológica… mas menos contemplativa.
Maria Mendonça
---

Os cegos abundam nos relatos evangélicos. E com uma elevada taxa de recuperações. São João (Jo 9, 1-7) conta a cura do cego de nascença.

– Pergunta imediata dos discípulos de Jesus – aponta a Matilde: «Rabi, quem foi que pecou para este homem ter nascido cego? Ele, ou os seus pais?» Naquele tempo, e em diversos lugares e culturas contemporâneas, qualquer doença ou deficiência, congénita ou adquirida, era vista como castigo divino. Por isso, Jesus esclarece: «Nem pecou ele, nem os seus pais, mas isto aconteceu para se manifestarem nele as obras de Deus.» Como o pensamento do Senhor é infinitamente maior do que o nosso! – aprecia a catequista. E continua a explicação:

Partilhar
---
EDIÇÃO
Junho 2023 - nº 619
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.