Aventura da Fé
05 setembro 2021

Que diz a Bíblia sobre São José?

Tempo de leitura: 3 min
Na Bíblia, dois dos quatro evangelhos falam de São José: o Evangelho segundo São Mateus e o Evangelho segundo São Lucas.
Redação
---

E cada Evangelho refere-o nos dois primeiros capítulos. Nestes quatro capítulos são mencionados cinco dados sobre o pai adotivo de Jesus. Conheçamos um pouco mais sobre São José. 

1. José, homem de Deus

Os evangelhos de Mateus e Lucas apresentam uma árvore genealógica de Jesus. A genealogia dada por Mateus é a de José, e menciona 46 antepassados, até cerca de dois mil anos antes de Jesus. Começa por Abraão e acaba em Jacob, o pai de José. Sublinha a linhagem real de Jesus. A genealogia de Lucas, por sua vez, foi traçada a partir de Maria e retrocede até Adão, talvez com o objetivo de mostrar o lado humano de Jesus.

2. José ouviu Deus em quatro sonhos

José esteve atento à voz de Deus e o Senhor falou-lhe em quatro sonhos:

a) Quando lhe foi pedido para não abandonar Maria: Mt 1, 19-23

b) Quando foi aconselhado a fugir para o Egito: Mt 2, 13-15

c) Quando foi avisado que podia voltar para Israel: Mt 2, 19-21

d) Quando foi mandado ir para a região da Galileia: Mt 2, 22 – 23

3. Quando se casou José com Maria

Analisando os textos bíblicos, podemos ter uma ideia do período em que o casamento foi celebrado. São Lucas diz que, por altura da visita do anjo a Maria, a anunciar a conceção de Jesus, eles estavam noivos. O evangelista São Mateus afirma que, depois de ouvir o anjo num sonho para não ter medo de receber Maria como sua esposa, José levou-a para casa. E o evangelista São Lucas conta que José e Maria foram recensear-se, o que significa que já formavam uma família. Então, o rito de casamento de José e Maria aconteceu depois de ele saber que ela estava grávida e antes de Jesus nascer.

4. O nascimento de Jesus na perspetiva de José

A infância de Jesus é contada de perspetivas diferentes pelos dois evangelhos. O evangelista São Mateus conta como tudo aconteceu a partir da figura de José, desde que ele soube que Maria estava grávida até se estabelecerem definitivamente em Nazaré (passando por Belém e o Egito). Já o evangelista São Lucas conta todo esse período a partir da vivência de Maria.

5. Graças a José, Jesus foi chamado Nazareno

Estando no Egito, José foi avisado em sonhos que o rei Herodes havia falecido e poderia voltar para casa. Mas ele ficou com medo de voltar para a Judeia, pois aí reinava Arquelau, filho de Herodes. Então, seguiu para a Galileia e fixou morada na cidade de Nazaré (Mateus 2, 19-23). Por isso, Jesus ficou conhecido como Nazareno.

Partilhar
Tags
Artigos
---
EDIÇÃO
Setembro 2021 - nº 599
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.