Sala de convívio
24 abril 2022

Puberdade e amadurecimento

Tempo de leitura: 1 min
O filme «Turning Red: Estranhamente Vermelho» apresenta-se como uma comédia. Mas fala de assuntos sérios.
Fernando Félix
Jornalista
---

As crianças nascidas a partir de 2010, da chamada Geração Alpha, usam com frequência os telemóveis com acesso à Internet. Algumas até já possuem canal de YouTube. A maioria acede a canais de transmissão de cinema e séries.

Os pais e educadores de hoje já sabem que os pré-adolescentes atuais não são ignorantes acerca de temas que, antigamente, eram tabus, nomeadamente os que se relacionam com desenvolvimento do corpo, emoções, paixões ou qualquer tema sexual.

O filme Turning Red: Estranhamente Vermelho apresenta-se como uma comédia. Mas fala de assuntos sérios. A história do filme gira em torno de Mei Lee, uma pré-adolescente de 13 anos que se transforma num panda-vermelho gigante quando fica muito animada ou irritada, o que acontece muitas vezes, porque está a viver a fase da puberdade e do amadurecimento.

O panda-vermelho é uma metáfora do estado de ânimo das crianças que se sentem imperfeitas na sua jornada de autodescoberta. Mei Lee procura respostas para as suas inquietações e curiosidades entre os amigos. Também fala com a sua mãe, Ming, superprotetora, e que a educa rigorosamente. Temas como menstruação, ser sexy, obsessão sexual, namoro, fazem parte da narrativa.

Sobre o filme

Título: Turning Red: Estranhamente Vermelho

Realizador: Domee Shi

Género: Animação

Duração: 1h40

Assiste:

https://youtu.be/NTAqDDDAk2I

Partilhar
---
EDIÇÃO
Julho 2022 - nº 609
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.