Sala de convívio
23 julho 2022

Correr sem limites

Tempo de leitura: 3 min
Zach terminou exausto e com bolhas nos pés, como muitos outros rivais. Mas mais nenhum, nas cinco voltas de terreno acidentado, com 20 milhas cada, teve de ultrapassar um adversário tão difícil: o autismo.
Luís Óscar
---

As imagens, desfocadas pela distância, e os sons, cada vez mais altos, da pequena multidão de apoiantes que o aguardavam junto à meta foram o incentivo que o jovem Zach Bates precisava para concluir os 160 quilómetros de uma ultramaratona, mais de 28 horas depois de ter ouvido o tiro de partida.

Zach não ganhou a corrida, longe disso. Ficou em 38.o lugar, entre os 99 concorrentes que terminaram, tendo 33 desistido. Mas foi o mais jovem de sempre (19 anos) a concluir a ultramaratona Coldwater Rumble, um nome que se pode traduzir livremente por «o barulho da água fria», que é o maior desejo da maioria dos atletas que participam nesta exigente prova, disputada no deserto do Arizona (EUA).

Partilhar
Tags
Campeões
---
EDIÇÃO
Julho 2022 - nº 609
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.