Valores
26 setembro 2019

Quero ser padre como o senhor

Tempo de leitura: 1 min
«Senhor Padre, eu também quero ser padre como o senhor!» Tinha eu, na altura, 12 anos.
Redação
---

O meu nome é António Alexandre e sou natural de Santo António de Vagos, onde nasci no seio de uma boa família cristã de sete filhos.

Havia lá em casa um velho livro dos Evangelhos cuja leitura me emocionava muito. Na minha terra havia também um sacerdote chamado Manuel que eu muito admirava pela sua bondade e alegria ao lidar com jovens e crianças. Na minha simplicidade, eu comparava-o a Jesus.

Aconteceu que um dia me enchi de coragem e disse-lhe: “Senhor Padre, eu também quero ser padre como o senhor!” Tinha então 12 anos.

Já no seminário diocesano de Aveiro, comecei a ouvir falar das missões e dos muitos milhões de pessoas que nunca tinham ouvido falar do Evangelho. Tudo o que dizia respeito às missões me entusiasmava. Aos 20 anos, decidi ser missionário, e entrei no Instituto dos Missionários Combonianos.

Partilhar
---
EDIÇÃO
Outubro 2019 - nº 578
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.