Valores
13 outubro 2019

O missionário é batizado e enviado

Tempo de leitura: 3 min
Este mês de outubro é especial. O Papa Francisco chamou-lhe Mês Missionário Extraordinário. Em todo o mundo, a Igreja vai refletir no tema «Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo».
Abel Dias
---

A celebração do Mês Missionário Extraordinário vai ajudar-nos a redescobrir o significado missionário do nosso batismo. É muito interessante prestar atenção aos ritos que acontecem na celebração deste sacramento. O primeiro deles é muito significativo. Quem preside à celebração – padre ou diácono – vai receber à porta da igreja os pais, os padrinhos e a criança que vai ser batizada. Este gesto significa que o Batismo é a porta de entrada na Igreja, porque ela ajuda a encontrar-nos com Deus.

Por este sacramento, Deus oferece ao batizado o dom da fé, que lhe permitirá relacionar-nos pessoalmente com Ele. E Deus pede à Igreja a missão de ajudar o batizado a crescer na fé, mediante a catequese, a oração, o amor fraterno, etc.

Partilhar
---
EDIÇÃO
Fevereiro 2020 - nº 582
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.