Valores
15 maio 2024

Missionário da alegria contagiante

Tempo de leitura: 3 min
O padre Ivo é um exemplo de alguém que trabalhou com alegria contagiante. Para ele, viver era partilhar as graças e os dons recebidos de Deus.
Filipe Resende
Missionário comboniano
---

Ivo Martins do Vale nasceu a 7 de novembro 1952, em Viseu. Entrou para o Seminário das Missões, dos Missionários Combonianos do Coração de Jesus, com 11 anos. Seguiu os passos do seu irmão José Augusto. Para completar os estudos de Filosofia e Teologia, para ser padre, viajou até Espanha e Itália.

Procurou imitar Jesus Cristo na fraternidade. Em toda a sua vida teve um sorriso fácil e uma alegria contagiante. A sua afabilidade e capacidade de comunicação serena e pacífica faziam qualquer um sentir-se bem ao seu lado, seja como formador de futuros missionários, seja na missão com as pessoas humildes da Etiópia, seja na animação missionária de cada cristão que encontrava.

O padre Ivo foi um «santo da porta ao lado», como diria o Papa Francisco, uma pessoa que lutou com «constância para continuar a caminhar dia após dia». Faleceu de cancro a 27 de agosto de 2010.

O que fez de Invencível

O padre Ivo viveu intensamente o amor aos africanos da missão na Etiópia durante catorze anos até que a doença o fez regressar a Portugal de vez. Mesmo assim, viveu com os etíopes no coração e nos lábios, e os seus olhos brilhavam ao falar deles.

Teticha, a missão onde viveu vários anos, ficava a 2800 metros de altitude. Era uma missão difícil por causa da altitude, do frio, da chuva e da humidade. Para visitar as muitas capelas, precisava de caminhar horas e passar muitas noites fora em condições incómodas. Apesar disso, as pessoas sempre sublinharam a sua amabilidade para com todos e a capacidade de ver sempre o lado positivo das coisas. A sua generosidade levou-o a estar disponível para ir onde fosse necessário, até às capelas mais longínquas. Era difícil ouvir-lhe um “não” ao que se lhe pedia. No seu trabalho missionário teve sempre muita dedicação à formação e acompanhamento de grupos, de jovens e adultos, particularmente catequistas.

Nos convívios, tinha uma dança especial: punha uma garrafa na cabeça e bailava!

Será sempre invencível

O padre Ivo é um exemplo de alguém que trabalhou com alegria contagiante. Viveu sempre sem protagonismo pessoal, mas envolvendo os outros. Para ele, viver era partilhar as graças e os dons recebidos de Deus.

Gostarias de ser invencível como o padre Ivo do Vale? Está nas tuas mãos!

Partilhar
---
EDIÇÃO
Maio 2024 - nº 628
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.