Notícias
31 maio 2019

EMRC em Missão

Tempo de leitura: 2 min
«Somos cristãos, porque comunicamos a outros a fé que recebemos; porque mostramos Jesus a outros, porque somos missionários e anunciamos Jesus a outros», foi a mensagem do 11.º encontro regional de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) da diocese do Funchal.
---

Os cerca de 900 alunos, de 18 escolas dos 2.º e 3.º Ciclos dos Ensinos Básico e Secundário da Região Autónoma Madeira, que participaram no 11.º Encontro Regional de EMRC receberam uma mensagem do bispo da diocese do Funchal, D. Nuno Brás: «Ninguém nasce cristão», porque «ser cristão não é como os dentes que surgem naturalmente numa criança, sem que ninguém faça nada para isso.»

«Somos cristãos porque nos falaram de Jesus. Porque nos disseram que Ele é o Salvador, quer dizer: o único que nos pode salvar da morte e oferecer a vida verdadeira e cheia, que é a vida de Deus. E nós encontrámo-Lo na nossa vida: tinha o rosto de um pobre, tinha o rosto do nosso pai ou da nossa mãe ou dos nossos avós, ou de um amigo, de um catequista, de um professor… Às vezes, até, de um desconhecido!», prosseguiu D. Nuno.

«Quando O encontrámos, a nossa vida mudou: sentimos necessidade de ser diferentes, melhores; percebemos que o amor é mais (muito mais) que aquilo a que chamávamos amor; e tantas coisas que não entendíamos — sobre nós, sobre o mundo, sobre os outros — passaram a fazer algum sentido!»

E o bispo deixou um desafio: «Somos cristãos porque alguém nos mostrou Jesus. Somos cristãos porque alguém foi missionário e nos anunciou Jesus!»

Ao desafio do bispo, os alunos responderam ao longo do encontro: «Somos cristãos, porque comunicamos a outros a fé que recebemos; porque mostramos Jesus a outros, porque somos missionários e anunciamos Jesus a outros.»

Partilhar
---
EDIÇÃO
Junho 2019 - nº 575
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.