À volta do mundo
14 maio 2019

Mão-cheia de céus noturnos

Tempo de leitura: 3 min
Num mundo cada vez mais urbanizado e repleto de poluição luminosa, torna-se difícil ver um céu estrelado no seu esplendor.
Margarida Brotas
---

No entanto, bem longe da civilização e em alturas em que está bom tempo, existem sítios onde é possível avistar os belos corpos celestes que enfeitam o céu noturno! Este mês, trago-vos um desses locais em cada continente.

 

Partilhar
---
EDIÇÃO
Maio 2019
Faça a assinatura da Audácia. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.