Mundo
13 abril 2019

Moçambique: Compromisso na reconstrução

Tempo de leitura: 1 min
Frente a um cenário de destruição, causado pela passagem do ciclone Idai, a arquidiocese da Beira mobiliza católicos para reconstrução e alerta para cenário de fome
Redacção
---

Na diocese da Beira, em Moçambique, região afectada pela passagem do ciclone Idai, as organizações católicas, nomeadamente os Missionários Combonianos, trabalham em conjunto com outras ONG e prestam ajuda nos centros de reassentamento, com distribuição de alimentos e prevenção da cólera.

D. Cláudio Dalla Zuanna, arcebispo da diocese, desafiou numa mensagem, as comunidades católicas à mobilização na reconstrução perante um cenário de destruição: “Avancemos com renovado vigor para a Páscoa, fazendo tudo o que está ao nosso alcance para aliviar os sofrimentos dos nossos irmãos e realçar a nossa fronte, cuidando das nossas casas, colaborando entre famílias, comunidades e paróquias”.

O prelado fala do cenário de “destruição e morte” que o ciclone deixou na região central de Moçambique, e dos “sinais” de esperança que se lhe seguiram, como as pessoas que acolheram os seus vizinhos, as mensagens de solidariedade e a ajuda humanitária, bem como “tantos gestos de generosidade e de amor que passam despercebidos”.

“A nossa diocese pode sair desta dolorosa travessia renovada, mais atenta aos pobres, mais solidária e unida, capaz de viver mais luminosamente a dimensão social do Evangelho”, acrescenta D. Claúdio.

 

 

Partilhar
---
EDIÇÃO
Maio 2019
Faça a assinatura da Além-Mar. Pode optar por recebê-la em casa e/ou ler o ePaper on-line.